menu
Quarta-feira, 18 de maio de 2022
Notícias

Representatividade feminina: Câmara de Canoas tem, pela primeira vez, seis vereadoras


Data: 8 de março de 2022
Crédito: Felipe Figueiró / Assessoria CMC
Fotos: Felipe Figueiró / Divulgação CMC

Em cerimônia híbrida, na manhã desta terça-feira 8, data em que é comemorado o Dia Internacional da Mulher, tomaram posse na Câmara Municipal de Canoas as suplentes do Partido Social Democrático, Neuza Ruffato, do Avante, Tatiane Sott, do Partido Verde, Cristina Colares e do NOVO, Viviane Lottici. Elas substituirão, respectivamente, os vereadores Patteta, Gilson Oliveira, Cris Moraes e Jonas Dalagna, que solicitaram licença do mandato a fim de abrir a suplência.

Definitivamente 2022 está sendo um ano atípico para a representatividade feminina na Câmara de Canoas. Após 30 anos, o legislativo canoense, desde fevereiro deste ano, tem duas mulheres em seu quadro. Menos de um mês depois, em uma ação conjunta das bancadas do PT, PV, NOVO, PSD e AVANTE, mais quatro mulheres assumiram como vereadoras. É a primeira vez na história do municipio que se tem seis vereadoras na Câmara Muncipal, contando com a bancada do PT, com Maria Eunice e Vani Piovezan.

No ato do juramento, Neuza Ruffato afirmou que "é uma honra poder participar deste ato junto à Câmara Municipal e poder destacar o protagonismo da Mulher". "É um momento onde podemos mostrar nossa união, determinação e disposição em lutar pela igualdade da Mulher em todas as áreas e principalmente na Política", afirmou. Neuza é profissional da área da educação há 33 anos, sendo Orientadora Educacional na Secretaria Municipal de Educação de Canoas e na Escola Municipal de Ensino Fundamental Jacob Longoni, onde foi diretora por 20 anos. Após passar por uma tragédia pessoal, fundou a ONG MarSeguro, Instituto Thiago Rufatto, com o intuito de conscientizar sobre a prática segura do Surf e Maior Segurança no mar. Recebeu também o prêmio “Laney Langaro”, como destaque na Educação em Canoas e desde 2021 é Subprefeita do Quadrante Sudeste. 

Tatiane Sott afitrmou que "na política encontrei os recursos necessários para ser instrumento de melhoria na vida dos Canoenses"."Hoje consigo dar vez e voz a demandas e projetos que transformam a vida das pessoas", contou. Tatiane tem 38 anos, é gestora, mãe de qautro filhos, casada ha 15 anos e empreendedora na Cidade  de canoas. Faz parte do quadro de colaboradores de grandes empresas  privadas como RBS, Bradesco e Nestlé e é fundadora da AMEC (ASSOCIAÇÃO DE MULHERES EMPREENDEDORAS DE CANOAS), instituição sem fins lucrativos que apoia Mulheres Empreendedoras, atuando como um braço de apoio a essas empresas, auxiliando no crescimento e desenvolvimento de suas empresas, disponibiliza conhecimento gratuito em gestão, vendas, estratégias de Marketing e presta também apoio e incentivo a superação de crises. Desde 2021, está a frente de diretorias no executivo canoesne.

Já, a vereadora Cristina Colares, salientou que "essa decisão de mulher na política, é a que nos  chega como missão de vida". "Com causas sociais, econômicas, de saúde, do meio ambiente da educação e da Cultura são causas de primeira necessidade para nós, pois tomamos nos braços, encharcando nossos corações de esperança e definimos, decidimos e realizamos", contou. Cristina ainda finalizou recitando a canção Rosa, de Marisa Monte: "...tu és divina e graciosa, estátua majestosa, do amor por Deus esculturada e formada com ardor, da alma da mais linda flor...". Cristina é Licenciada em Educação Física pela ULBRA Canoas, com especialização em dança pela PUC/RS e MBA Produção Executiva e Gestão de Risco. Foi também supervisora dos programas do Centro de Atividade Motora Adaptada ULBRA Canoas e Professora da rede estadual de ensino com experiência em gestão de projetos. Em 2013 foi delegada estadual na Conferência Nacional de Cultura e, desde 2021 atua como Gestora Cultural no município de Canoas.

Na fala da vereadora Viviane Littici, ela destacou que está "honrada com a oportunidade de substituir como suplente, o vereador Jonas Dalagna na semana da mulher". "É gratificante poder contribuir com a Cidade e poder colocar em prática as idéias e princípios do Partido Novo", conta. "Fico feliz em fazer parte da representatividade feminina na Câmara, contribuindo com o maior número de mulheres no legislativo canoense e considero importante uma maior representatividade feminina", concluiu. Viviane tem 43 anos, graduada em engenharia, corretora de imóveis e diretora da Imobiliária Lottici há doze anos.




topo